NOTÍCIAS

NOTÍCIAS

Saudali conclui participação na Anuga com sucesso

WhatsApp-Image-2019-10-07-at-17.49.31_824x452_acf_cropped

10 de outubro de 2019 | Cultural | Comercial | Mídia

Entre os dias 5 e 9 de outubro, o Saudali esteve em Colônia, na Alemanha, para participar da Anuga, a maior feira de alimentos e bebidas do mundo. Representado pelo Diretor Comercial Adriano Pacheco, o responsável pelo Comércio Exterior Leandro Castro e o representante de Exportação Ricardo Abreu, a presença na feira é um grande passo para que a marca Saudali se torne referencia em carne suína brasileira a nível internacional, além de possibilitar o contato com empresas e compradores de diversos países.

Durante a feira, passaram pelo estande do Saudali, em parceria com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina; o Presidente Executivo da ABPA, Francisco Turra; e o Vice-presidente da entidade, Ricardo Santin. Além dos visitantes, também passaram pelo estande clientes e interessados nos produtos Saudali. Segundo Leandro Castro, foram fechados importantes negócios, com clientes antigos e novos, além de novos contatos com compradores de países com restrições sanitárias específicas.

Desde a implantação da Política de Comercio Exterior, que alinhou objetivos e metas para a exportação, o Saudali tem investido no mercado externo. Para o Diretor Comercial Adriano Pacheco, a participação na Anuga foi muito válida e que houve, inclusive, procura pela marca Saudali na feira. Ele também citou que a parceria com a ABPA foi de suma importância para a concretização dessa participação e para o sucesso dos negócios realizados a nível internacional.

 

A Anuga

A feira é realizada bienalmente e, em 2019, completou sua 100ª edição, com a participação de mais de 100 empresas brasileiras. Em 2017, passaram pela Anuga 7,4 mil expositores e mais de 165 mil visitantes, gerando US$ 2,54 bilhões em negócios para o Brasil, segundo informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

 

Fonte:

COMENTE SOBRE ESTA NOTÍCIA